quarta-feira, setembro 01, 2004

Que medo!

Rapaz, passei o maior medo hj. MArquei com uma outra au pair pra ir busca-la pra gente ir na academia. Ela me deu o endereco, eu olhei no mapa, peguei o Beamer e la vou eu.

Isso era umas 10 pras 8 da noite. Tudo escuro. Vale lembrar q aki nessa cidadezinha menor q um ovulo nao tem iluminacao publica quase nenhuma!!!!!

Bom, o q o mapa nao dizia eh que uma das ruas passava literalmente pelo meio da floresta. VCS ACHAM Q EU TOU EXAGERANDO?!?!?! ACHEM!!!!! VOU BATER UMA FOTO DA RUA E MANDAR POR EMAIL PRA VCS DIZEREM Q EU TOU EXAGERANDO!!!!

Cheguei no lugar, olhei pra o lado q tinha q virar.... Uma curvinha fechada, estrada de terra, um monte de arvore - " La ele, outro q vai entrar ahi, eu nao, acho q anotei a direcao errada, vamos pra o outro lado" mas logo percebi q o caminho certo era o breuzinho mesmo.

fiz meia volta e entrei pelo caminho certo. Um breu!!! Uma estradinha. Era mao dupla mas so passava um carro de cada vez. De um lado e de outro so tinha arvore!!! as arvores altas q num tinha mais fim, nem q eu kisesses voltar , num tinha como, num tinha uma casa, uma driveway, uma zorra de um acostamento!!!!!!! ( e mesmo q tivesse quem tinha coragem de fazer manobra nakele cenario de filme de terror "A Colheita Maldita" perdia prakilo lah!)

Passei neh. Morrendo de medo q akela estrada fosse terminar no meio da floresta, ou q tivesse uma gangue ou um serial killer me esperando na proxima curva. Ficava mais calma qdo via um carro passar por mim. " Bom eles tem q estar vindo de algum lugar. Do meio da floresta eh q nao pode ser. Ai, mamae 'o Massacre da serra eletrica', 'Panico na Floresta'! Pode vir de uma casa de desajustados"

A tal estrada na floresta deu numa estrada de verdade. "UFA! Nao morri."

Qdo cheguei na casa da menina ela me chama pra entrar e conhecer a host family dela. Ahi a mae, qdo eu disse q vinha de Middlefield, perguntou "Vc veio pela estrada de terra?" "Sim" "Cuidado , pq ha uns anos atras morreram 3 rapazes ali."

GELEI NEH! "Morreram?!?!" (Tipo assim cmo minha senhora, foram assassinados? Degolados? Esquartejados?) "Morreram como?" "Ah, correram demais e bateram num trator."

UFA! Eu nao ando correndo. VIRGULA! Ontem de noite puxei 130 na estrada... Mas na estrada. O limite aki eh 100, mas quase ninguem anda a 100. Eu resolvi correr um pouco pra ver que gosto tinha. Nooossa! Maaassa!!!! I'VE GOT THE POWER!!!!Mas ahi resolvi voltar `a vida real, pular pra pista de nao correr e ficar com meus 100 por hora mesmo.

Mesmo assim, por mais q o povo daki queria me fazer acreditar q aki nao eh perigoso, eu ainda tenho muito filme de serial killer na KBssa. E afinal akelas historias macabras q a gente le nos livros reportagem (akelas historias baseadas em fatos reais) aconteceram justamente nos lugares q ninguem esperava.

vou ver se pego a makina digital de mArk e tiro umas fotos daki e mando proces.

Tem uns lugares super lindos aki onde eu moro, e quero tirar fotos no outono pra vcs verem a mudanca das cores!!!!! E depois no inverno dos mesmos lugares, pra vcs verem tudo sem vida. E depois na primavera, qdo as coisas voltam a florescer!

2 comentários:

Anônimo disse...

Vê se toma mais cuidado viu menina? Porque que vc tinha que ir buscar a outra em casa? Não podia ter marcado de se encontrarem em algum lugar? "A gente se encontra na Academia ok?"
E quando for sair sem saber pra onde procure se informar direito, e se de repente for um lugar realmente perigoso? A cidade pode ser pequena, mas este é o país dos serial killer, começe a se preocupar mais com vc.
Beijo. Te amo.
Léa

Lua disse...

Nossa que coisa, hein Vika? Eu acho que se tivesse que ir na casa da tal garota eu teria desistido...Eu nunca que teria passado naquela estrada...hehehhe.
Fiquei surpresa de saber que vc correu a 130 km!!!! Mas vê se não corre mais tá bom, chega de aventuras, hehehehe! Se cuida.